Custom Menu

Latest From Our Blog

Ilikethis | “Portugal e Brasil têm uma relação à prova de bala”
19888
post-template-default,single,single-post,postid-19888,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12.1,vc_responsive

“Portugal e Brasil têm uma relação à prova de bala”

“Portugal e Brasil têm uma relação à prova de bala”

Como define o papel da Fundação Luso-Brasileira no estreitamento das relações entre Portugal e o Brasil?

A Fundação Luso-Brasileira para o Desenvolvimento da Língua Portuguesa tem no seu ADN, na sua história e, também, na vontade e no trabalho da equipa que a lidera uma enorme determinação em fazer pontes entre Portugal, Brasil, e entre estes dois territórios e a Lusofonia. Portugal e o Brasil têm uma relação cultural, política, histórica, económica e empresarial que para além de ser à prova de bala é um exemplo a ser seguido no mundo. Ora, o papel da Fundação Luso-Brasileira para o Desenvolvimento da Língua Portuguesa é, precisamente, o de estimular esse relacionamento e tem sido essa a nossa ação, guiada por uma estratégia de três “pês” – Pouco, Possível e Progressivo – para que o nosso trabalho seja tangível e frutífero. Em 2015, estivemos com reconhecido sucesso nas celebrações dos 150 anos da cidade do Rio de Janeiro, levando música e teatro português à Cidade das Artes e, entre outras iniciativas, calceteiros de Lisboa para darem formação aos calceteiros do Rio de Janeiro. Em 2016 temos promovido o Brasil em Portugal, exemplo disso é a análise da situação política brasileira que temos promovido de forma construtiva, indo além do ruído do momento, porque estamos certos que é enfrentando desafios que se rejuvenesce.

Quais as potencialidades culturais, educacionais e patrimoniais da relação entre Portugal e o Brasil?

Todas, as possíveis e imaginárias. O Brasil é um país continental, uma das maiores economias do mundo, um mercado que esteve durante muito tempo fechado sobre si mesmo, mas que tem, de forma progressiva, aberto as suas fronteiras a novos investimentos, mas também procurado oportunidades noutros continentes. Portugal é a casa brasileira na Europa, como o Brasil é a casa portuguesa na América Latina. E isso diz tudo sobre as oportunidades que existem, estão a ser aproveitadas e as que ainda podem e devem ser aproveitadas. Queremos ajudar nisso.

De que forma avalia a recetividade por parte dos portugueses relativamente à cultura brasileira?

Basta olharmos para a música, para o teatro, para as telenovelas, para os festivais. É fácil um português cruzar-se com um ator brasileiro nas ruas e reconhecer o seu trabalho, comprar um bilhete para ir ver um espetáculo de Chico Buarque e ouvir do princípio ao fim a música a ser acompanhada pela plateia, ou termos, como tivemos agora no Rio de Janeiro, uma claque brasileira a apoiar a nossa seleção de futebol.

Leia a entrevista na íntegra na compra da 14ª edição da I Like This.

Sem comentários

Sorry, the comment form is closed at this time.